Área Restrita
(Clique aqui)
Esqueci minha senha
(Clique aqui)
Voltar
(71) 2201-2201
FALE CONOSCO

ASFEB - Associação dos servidores fiscais do Estado da Bahia

Notícias - 13/03/2019

Margareth Menezes participa do Dia das Mulheres da Asfeb e Sefaz

A baiana Margareth Menezes se reinventou várias vezes, ao longo da vida. De uma garota tímida e pobre da Península Itapagipana, transformou-se em uma cantora reconhecida mundialmente, atriz e empreendedora social de sucesso. Ela foi a convidada especial do evento “Trajetórias Femininas”, promovido, nesta segunda-feira (11/3), em comemoração ao Mês das Mulheres, pela Asfeb e pelo NDSH da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz), com a participação da Secretaria de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia, no auditório da DAT Metro. Segundo o Diretor Social de Cultura e de Turismo da Asfeb, Jaime Raimundo Nascimento Filho, o objetivo do evento é apresentar trajetórias de mulheres de sucesso como exemplo de vida para outras mulheres.

Marcaram presença no evento a Diretora Jurídica e de Aposentados da Asfeb, Hogla de Alencar Pacheco, o Superintendente de Desenvolvimento de Gestão fazendária da Sefaz, Antônio Félix Macedo Mascarenhas, a Coordenadora Geral do Núcleo de Desenvolvimento do Ser Humano (NDSH), Teresa Cristina Pamponet, e o Coordenador Administrativo da DAT Metro, Valdir Tosta, além de cerca de 100 associados da instituição e servidores da Sefaz e da SPM.

Com mais de 30 anos de carreira, Margareth Menezes contou sua trajetória aos presentes e cantou as músicas Alegria da Cidade (Pele de ébano) e Maria, Maria. “Cometi muitos erros na vida e na profissão. Mas nunca deixei que um erro fosse maior do que a minha capacidade de me reinventar”, afirmou. “Quando você tem consciência de onde vem, é levado a encontrar e valorizar aqueles que vieram antes de você. É importante que levemos em conta que se estamos aqui hoje é porque ascendemos de heróis que sobreviveram a atrocidades”, completou Margareth.

Nascida em 1962, no bairro de Boa Viagem, em Salvador, Margareth Menezes é filha de dona Diva, uma costureira e doceira que veio de Ilha de Maré, e de Adelício Soares da Purificação, falecido em 2009. Aos 15 anos, ganhou seu primeiro violão e começou a participar do coral da Igreja da Congregação Mariana da Boa Viagem. Sua carreira musical profissional teve início em 1987, com seu primeiro sucesso, Faraó, composição de Luciano Gomes. Outro sucesso muito conhecido da cantora é a música Elegibô. Em 1990 foi convidada por David Byrne, cantor e compositor norte-americano, para abrir sua excursão internacional.

Em 2004, Margareth Menezes fundou a Fábrica Cultural, oferecendo cursos profissionalizantes para jovens e oficinas de arte-educação para crianças. Nos últimos anos, ela vem desenvolvendo o projeto Mercado Iaô, que ocupa 7.000 m² da Fábrica Cultural, antiga fábrica de Linhos Nossa Senhora de Fátima, na Ribeira. Seu objetivo é incentivar o empreendedorismo e o resgate da identidade cultural da Bahia.

Confira os melhores momentos da palestra.

Rua Dr. José Peroba, 149
Centro Empresarial Eldorado, 1º Andar.
Salvador-BA | CEP 41770-235
TEL (71) 2201-2201 ou 2201-0315
FAX (71) 3341-7181
EMAIL atendimento@asfeb.org.br